Homem faz perguntas estranhas a menina em praia e ela alerta: o tráfico de pessoas é real e recorrente


PUBLICIDADE

O tráfico de pessoas é um problema real e que atinge milhares de mulheres e crianças no mundo inteiro. Apesar de parecer distante, ele está muito perto – e essa garota conta o terror que passou ao ser interrogada por um estranho em uma praia nos Estados Unidos.

Haley Oscar estava tomando sol em Kenosha, Winsconsin, quando um homem se aproximou dela e começou a fazer perguntas. “Ele perguntou sobre minha pontuação de crédito, onde eu moro, sobre minha estabilidade financeira e se eu tenho pessoas que me amam”, conta Haley.

PUBLICIDADE

“Então as coisas ficaram mais inapropriadas, e ele começou a me fazer perguntas sexuais e comentou que considerando que eu tenho tatuagens, eu devo gostar de dor. Eu simplesmente continuei a dizer-lhe que estava estudando e, por favor, deixe-me em paz. Em um ponto eu disse a ele que eu estava desconfortável, mas ele continuou sentando ao meu lado.”

Depois de 40 minutos da conversa aterrorizante, Haley alertou alguns amigos no Facebook do que estava acontecendo. Ela disse que estava com muito medo de ir até seu carro, pois não queria que ele a seguisse ou soubesse que carro ela dirige.

O homem de meia-idade que a interrogava disse que era de Waukegan, Illinois – mas ela não acreditou devido ao seu sotaque. “Tenho quase 99% de certeza de que ele era um traficante sexual com base nas perguntas que ele estava fazendo”, desabafa.

Quando um amigo ligou para Haley e disse que estava a caminho, o homem fugiu. Ela compartilhou sua história e suplica para que as pessoas abram os olhos: as histórias horríveis que ouvimos são reais e estão acontecendo mais perto do que imaginamos.

“Tenham cuidado, garotas. Se você vai a algum lugar sozinha, certifique-se de que alguém sabe onde você está. NUNCA um homem me deixou com tanto medo e tão assustada sobre a minha segurança!”, alerta.

Assustador, não? Esperamos que Haley fique bem. Tome muito cuidado com os lugares onde você vai e com as pessoas com quem lida – o perigo do tráfico de pessoas é real!

Fotos: Faithit

POSTS PATROCINADOS