Garoto de 9 anos desaparecia todos os dias. Quando seu pai o seguiu, descobriu triste verdade


PUBLICIDADE

Crianças são seres nos quais depositamos todas as nossas esperanças de um mundo melhor. Isso porque, se uma mostra que dá valor a coisas importantes ainda no início da vida, com certeza, ela seguira com isso à medida que envelhece.

O pequeno Ken, de 9 anos, vive em uma cidade remota nas Filipinas. Todos os dias, ele sai de casa para fazer um passeio, sem dizer ao seu pai onde está indo. Seu pai confiava nele, é claro, mas um dia ficou curioso sobre o que exatamente seu filho estava fazendo fora de casa.

PUBLICIDADE

Ele, então, decidiu seguir Ken e descobrir o que o garoto fazia todos os dias. A resposta o mostrou o quanto seu filho era incrível, porém, com uma triste história: o menino se dedicava a alimentar cães de rua.

 

Foi nesse momento que o homem viu dezenas de cães desnutridos. Suas vidas difíceis nas ruas fizeram muitos deles terem medo de se aproximarem dos seres humanos, mas claramente haviam formado um vínculo de confiança com Ken.

O menino disse que os cachorros lentamente se acostumaram com ele ao longo de suas visitas. A primeira vez que ele foi lá com comida, foi forçado a ficar a 50 metros das tigelas que ele deixou, porque os cães não se aproximavam enquanto ele estava lá.

Mudança no comportamento dos cães

Agora, porém, Ken pode ir até acariciar alguns deles. Depois de tirar algumas fotos de seu filho, o pai também começou a ajudar. Devido às possíveis doenças e infecções que os cães de rua podem transmitir, os dois foram vacinados e sempre cuidam de sua higiene depois de passarem tempo com os animais. Juntos, eles nomearam três dos cães que encontraram todos os dias; “Brownie”, “Blackie” e “White”.

Parece que “Blackie” é a mãe dos outros dois. Apesar de alguns problemas de saúde, “Blackie” ficou para proteger seus filhotes. E tudo mudou com as idas do garotinho ao local. Ele e seu pai queriam fazer algo de bom para esses cães. Ken, em particular, queria fazer um esforço para os animais que ninguém mais gostava. Então, pai e o filho começaram uma organização voluntária que ajuda cães sem-teto na área.

Chamaram seu projeto de ‘Happy Animals Club’ (em português, “Clube dos Animais Felizes”), e, desde então, se tornou um sucesso. O pai de Ken comprou um tamanho considerável de terra perto de sua casa e construiu um dos maiores abrigos para cães da região. Como resultado, eles conseguiram salvar centenas de cães e gatos das ruas.

POSTS PATROCINADOS