Connect with us

Natureza Incrível

Cadelinha da raça pitbull faz de tudo para proteger crianças perdidas em floresta da Itália

Published

on

Esse é mais um bom exemplo da fidelidade dos cães com os seus donos

Crianças e animais geralmente formam uma boa equipe. Parece que por serem almas inocentes eles acabam se complementando.

Embora o instinto dos animais seja diferente do das pessoas, eles de alguma forma sabem que entre suas prioridades está cuidar de suas famílias humanas, assim como os humanos cuidam de seus animais de estimação.

E quando se trata das crianças da casa, os animais de estimação, especialmente cães, tendem a ter um tratamento muito especial e super-protetor.

É por isso que, quando Adele e Elisabetta, duas meninas que se perderam de suas famílias durante uma caminhada em Udine, na Itália, sua cadela Margot sabia que tinha que cuidar delas.

Embora Margot não pudesse dizer a elas ou a sua família que eles estavam tomando o caminho errado, ela sabia que precisava ficar com as meninas para protegê-las de qualquer perigo

As garotas entraram em uma floresta muito densa e ninguém conseguiu encontrá-las , muitas pessoas ouviram falar das garotas desaparecidas e decidiram ajudar. O jovem Alexei Coianiz e seu amigo Francesco, foram alguns dos que se juntaram à busca.

No começo eles começaram a fazer a busca de carro, mas depois decidiram que andariam pela floresta com suas lanternas. Durante esse tempo, um homem chamado Silvio se juntou a eles e os três entraram na mata fechada.

“Caminhamos enquanto gritávamos constantemente o nome das meninas, mas não recebemos uma resposta”, disse Alexei.

Eles chegaram a um prédio vazio, com a esperança de que as meninas se encontrassem lá, mas não tiveram sucesso.

O resgate

Depois de mais uma hora de busca, finalmente conseguiram uma resposta. Quando gritaram o nome de uma delas, alguém respondeu pequena: “Estamos aqui, estamos com fome, venha!” Era uma das garotas.

Seguindo as vozes, eles conseguiram alcançá-los e ficaram surpresos ao verem que um pitbull os acompanhava .

Foi Margot a responsável por manter a segurança das garotas durante as 9 horas em que elas ficaram perdidas.Claro que a peludinha também deveria estar sofrendo e com muita fome.

Quando ela ouviu os homens, ela veio correndo, lambeu e fez uma festa com os resgatadores. Aparentemente, Margot estava feliz por eles terem encontrado as crianças.

Mesmo depois de os socorristas chegarem e fornecerem alguns cobertores para aquecer o grupo, a cadelinha não se separou das meninas nem por um instante. Uma verdadeira mãe.

Felizmente, tudo correu bem e as pequeninas que estavam completamente saudáveis ​​puderam retornar às suas famílias.

Por sua parte, estes três homens que desempenharam um papel importante nesta história nunca esquecerão o momento em que encontraram Margot protegendo suas meninas. “Será uma ótima história para contar aos meus netos e bisnetos”, concluiu Alexei.

E você, tem alguma história semelhante com um dos seus animais? Compartilhe conosco.

Fonte: Zoorpreendente

Natureza Incrível

A árvore mais alta do mundo está na Califórnia.

Published

on

A árvore mais alta do mundo é uma sequoia vermelha e possui cerca de 115 metros de altura.

Esse gigante da natureza está dentro do Parque Nacional das Redwoods, na Califórnia. Ela é conhecida nos Estados Unidos como coast redwood.

A localização exata da árvore não é revelada, em uma tentativa de preservar o espécime.

No entanto, todos os anos muitos curiosos tentam chegar perto do Hyperion, uma referência a um dos titãs da mitologia grega.

O governo norte-americano resolveu jogar duro com esses desbravadores e anunciou uma multa de até US$ 5 mil e uma pena de até 6 meses para quem descumprir as regras.

Uma obra linda da natureza, um presente para nós!

Continue Reading

Natureza Incrível

“Meu urubu não é meu animal de estimação, é meu filho”. Então tá!

Published

on

Em dezembro de 2021, um filhote de urubu macho havia sido encontrado em uma lixeira. Como não conseguiram achar o ninho a ave morreria se fosse deixada sozinha.

Então, a ONG entrou em contato com o Guia turístico Mendes, que morava ali perto.

“A primeira vez que o vi, ele parecia em um estado tão ruim que pensei que ele não sobreviveria”, disse Mendes, de 35 anos, à BBC.

O pequeno Urubu foi adotado pelo Guia o que incluiu um processo legal e fiscalização das autoridades ambientais brasileiras. Eles achavam que quando o pássaro crescesse, ele teria muito espaço para passear.”

Após sete meses, homem e pássaro voaram juntos várias vezes, resultado de uma incrível história de ligação humano-animal.

Mendes chama Urú de “filho”, inclusive na conta que criou para a ave no Instagram, que tem mais de 23 mil seguidores.

Fonte

Continue Reading

Natureza Incrível

Gato de guarda! Por que não?

Published

on

Um homem do Mississippi disse que seu gato de estimação ajudou a evitar um assalto em sua casa, e ele acredita que a chita possivelmente salvou sua vida.

Bandit, uma gata de 9,1 quilos, vive com seu dono aposentado Fred Everitt no subúrbio de Tupelo, em Belden. Quando pelo menos duas pessoas tentaram invadir sua casa compartilhada na semana passada, a gata fez tudo o que pôde para alertar Everitt sobre o perigo, disse ele ao Northeast Mississipi Daily Journal.

“Você ouve falar de cães de guarda”, disse Everitt, 68. “Este é um gato de guarda.”

A tentativa de roubo ocorreu em algum momento entre 2h30 e 3h da manhã de 25 de julho, disse Everitt. Ele foi acordado pela primeira vez pelos miados de Bandit na cozinha. Então, ela correu para o quarto, pulou na cama e começou a puxar o edredom dele e arranhar seus braços. Everitt sabia que algo estava errado.

“Ela nunca tinha feito isso antes”, disse Everitt. “Eu disse: ‘O que há de errado com você?’”

Everitt levantou-se para investigar e viu dois jovens do lado de fora da porta dos fundos. Um tinha uma arma e o outro estava usando um pé de cabra para tentar arrombar a porta, disse ele.

Everitt disse que quando pegou uma arma e voltou para a cozinha, os intrusos já haviam fugido. Everitt disse ao jornal que não chamou a polícia.

Ele disse que a situação poderia ter sido diferente sem Bandit.

“Não se transformou em uma situação de confronto, graças a Deus”, disse Everitt. “Mas acho que é só por causa do gato.”

Everitt adotou Bandit da Tupelo-Lee Humane Society há quatro anos.

Fonte

Continue Reading

Destaques