Tire algumas dúvidas frequentes que surgem na hora de levar as crianças para curtir a praia


PUBLICIDADE

Nesse calorzinho nada melhor que levar nossos baixinhos para curtir uma praia e se esbaldar na água. Entretanto muitas dúvidas podem aparecer sobre os cuidados e medidas que devem ser tomadas para que as crianças aproveitem de maneira de saudável sem nenhum perigo.

O portal de notícias UOL com a ajuda de alguns especialistas da área responderam algumas perguntas frequentes que possam aparecer na hora de levar as crianças para a praia.

PUBLICIDADE

.

1. A partir de quantos meses posso levar meu filho à praia?

O recomendado é a partir dos seis meses, época em que protetores solares e repelentes estão liberados. “Bebês com menos de 6 meses têm a pele mais fina e delicada e estão mais suscetíveis a queimaduras solares. Nessa faixa etária, o mais apropriado é dar uma volta no calçadão em horários menos quentes e abafados”, afirma Giulia Obadia, pediatra do Hospital Amparo Maternal.

2. Qual o horário mais indicado para o banho de sol?

O melhor período para fugir do pico solar é até as 10 horas da manhã e após as 16 horas, segundo a dermatologista Marina Zoéga Hayashida. “Evite os outros horários, em que os raios ultravioletas têm maior intensidade e o risco de queimaduras e desidratação são maiores”, diz.

3. Quais os critérios devem ser usados para escolher a praia?

Dê preferência a praias mais vazias, com água própria para banho e areia limpa. “Inúmeras doenças são transmitidas pela água suja e poluída, como hepatite A e gastroenterites virais”, adverte a pediatra Giulia. Numa praia poluída,a criança também pode pegar doenças de pele, como infecções bacterianas, micoses e bicho geográfico. Isso ocorre porque a areia e o mar podem estar contaminadas com lixo, urina, fezes e outros detritos.

4. É seguro deixar a criança na beira da água?

“Jamais deixe seu bebê brincar perto da água sozinho. É indispensável a supervisão de um adulto. Evite levá-lo ao mar quando a água estiver muito gelada e com forte correnteza. Os afogamentos podem acontecer em uma fração de segundos. Em caso de tempestades, raios ou trovões, saia imediatamente da praia e procure um lugar seguro”, alerta Giulia.

5. Por que crianças com menos de 6 meses não podem usar filtro solar?

Antes disso, a pele do bebê ainda é muito sensível e podem ocorrer processos alérgicos e irritativos, como dermatites de contato, vermelhidão, descamação, edema e outras lesões cutâneas, explica Marina.

Imagens / Reprodução Internet

POSTS PATROCINADOS