Seus pais não queriam que eles fossem mágicos. Até que assistiram seu show na TV


PUBLICIDADE
O show de mágica impressionou até mesmo o jurado mais “difícil” da bancada

Tudo aconteceu na 12° temporada de “American Got Talent”, quando os gêmeos Tony e Jordan decidiram participar com um número de mágica no mínimo inusitado.

A bancada de juízes é composta pelo criador do programa, Simon Cowel, a ex- Spice Girl Melanie B, a modelo e apresentadora Heidi Klum e o comediante Howie Mendel.

PUBLICIDADE

Simon é famoso, desde quando apresentava o programa “American Idol”, por ser um jurado criterioso e muitas vezes até maldoso. Mas a opinião de Cowel, não era a que mais importava para os dois.

Somente um dos irmãos estava presente no início da apresentação, e quando os jurados pediram para que ele contasse um pouco de sua história,  Jordan desabafou.

“Além de conquistar o público e notoriedade, quero conquistar também o respeito dos meus pais com este número”, disse o garoto. Segundo ele, os pais desaprovam totalmente a carreira de mágico. Eles queriam que os filhos tivessem escolhido uma profissão mais tradicional.

“Médico, advogado e arquiteto, são coisas que eles prefeririam”, reclama o garoto.

Quando a apresentação começou, os juízes e o público ficaram espantados com o tamanho talento dos jovens mágicos.

Confira:

Às vezes, é difícil entender que o caminho mais “fácil” e “estável” não é necessariamente o mais apropriado para os filhos. E eles devem seguir o próprio caminho.

Torcemos para que os pais de Tony e Jordan tenham mudado de ideia depois de assistirem essa apresentação incrível.

Fonte: Viralistas

POSTS PATROCINADOS