Ninguém botou fé quando esse menino de 11 anos entrou para reger a orquestra. Então, a plateia se cala


PUBLICIDADE

Imagine só se um dia você fizesse o que mais gosta, porém ainda criança. Por exemplo, você tem 11 anos de idade e o sonho da sua vida é ser veterinário, então, passa um dia como um!

Imaginou? E isso seria um sonho distante, não é? Mas para Matthew Smith, de 11 anos, não foi. Ele simplesmente conduziu uma orquestra sinfônica no Royal Concert Hall, na cidade de Nottingham, nos Estados Unidos!

PUBLICIDADE

No último domingo, 2 de abril, o evento contou com a participação de centenas de pessoas e tinha como objetivo arrecadar dinheiro para a instituição Hope Nottingham, que ajuda pessoas carentes na cidade.

O garoto ficou durante 9 minutos conduzindo os músicos em uma das peças mais famosas do compositor Johann Strauss, que leva o nome de Die Fledermaus, sendo que os ensaios para a realização da apresentação aconteciam apenas uma vez por semana.

O verdadeiro maestro da orquestra e professor de violino, Derek Williams, descobriu o menino com apenas sete anos de idade. Tudo começou quando a mãe do pequeno, Beverlyn Riley, foi até o professor e disse que seu filho queria tocar violino. Após duas ou três aulas, ele já percebeu o talento que o garoto tinha e, dentro de seis semanas, ele já estava tocando em frente à toda a sua escola.

Quando Derek disse à Orquestra Sinfônica de Nottingham que tinha uma criança para lhes conduzir, eles não acreditaram! Matthew aprendeu a tocar violão, bateria, piano e viola impressionando a todos. Nada mal, não é?

Seu amor pela música começou quando ouviu Die Fledermaus pela primeira vez aos sete anos. Quando viu um vídeo de uma criança também conduzindo uma orquestra, não pensou duas vezes para querer fazer igual!

Quando subiu ao palco, o menino disse ao site Nottingham Post que, como nunca dirigiu uma orquestra antes, essa será sua primeira vez. Contou também que agora já está até famoso – dando autógrafo na escola e tudo! Para ele, quando todos os instrumentos se unem, fazem um som incrível e, mesmo não sabendo se continuará fazendo isso para o seu futuro, ele quer continuar a fazer música de qualquer maneira. “Eu sei que um dia irei conduzir novamente. Ficar no tempo e saber quando ir e quando parar – isso é o que faz um bom condutor”, ele diz já mostrando o quanto entende de cada nota.

Beverlyn disse que está orgulhosa, mas nervosa por ele ao mesmo tempo, afinal, ele tem apenas 11 anos! Mesmo assim, ela quer que ele aproveite essa experiência, pois tem muito talento para oferecer para a música.

Olha só o vídeo do grande momento de Matthew:

Que lindo! Imagine só o orgulho dessa mãe e de seu professor? Um grande profissional está se formando, com certeza.

Fotos: Nottingham Post, Reprodução

POSTS PATROCINADOS