Luisa Mell conta sobre trabalho como ativista e que chegou a ser ameaçada de morte em resgate


Luisa Mell fala sobre seu trabalho como ativista
PUBLICIDADE

Diariamente, diversos animais são abandonados nas ruas e deixados à própria sorte. Mas, quem acompanha as redes sociais deve conhecer a ativista Luiza Mell. Ela mantém uma Ong – Organização Não Governamental que cuida de cerca de 400 animais resgatados.

Ela participou, recentemente, do canal no Youtube do jornalista Alvaro Leme. Nele, falou sobre diversos assuntos, desde depressão a veganismo, com base no seu livro intitulado Como os animais salvaram minha vida. Luiza disse que foram os animais que realmente a salvaram e a transformaram, contando que antes era uma pessoa mais fútil e superficial e os bichos lhe deram um sentido a seguir.

PUBLICIDADE

Luisa Mell fala sobre seu trabalho como ativista

Além disso, foram eles que tiraram Luiza de uma depressão profunda. Por diversas vezes pensou em se matar mas olhava para seus dois cachorros e sabia que não poderia deixá-los sozinhos. Depois, ela explica como funcionam os resgates e as feiras de adoção, em geral realizadas quinzenalmente em shoppings. Vale lembrar que o Instituto Luiza Mell tem uma longa entrevista feita aos interessados em ter um animalzinho, além de realizar um acompanhamento depois da adoção. Até hoje, 2500 animais já ganharam um novo lar.

Ameaças

A ativista também contou que muitas empresas e indústrias a veem com mãos olhos pela suas duras críticas aos abusos contra os animais. Ainda citou que já recebeu ameaças, como há pouco tempo após uma denúncia de corujas sendo maltratadas, em que Luiza chegou a ser ameaçada até de morte!

Mas, ela não se abala e continua com seu discurso a favor dos direitos dos animais. Segundo ela, usa o espaço que tem para chegar cada vez à mais pessoas, porque não quer nada menos que mudar o mundo! O veganismo também é pauta da entrevista e Luiza conta como sua vida mudou completamente, desde o que come ao que veste.

Confira na íntegra a entrevista:

Ao ser questionada sobre como o Instituto consegue os valores necessários para cuidar dos bichinhos resgatados, ela diz que possui um público fiel e um grande número de doadores fixos que a ajudam muito. Não tem como negar que o trabalho realizado pela ativista e seus companheiros é incrível! Muitos animais já passaram por suas mãos e foram salvos por ela, assim como também a salvaram. Por mais pessoas como ela no mundo.

Foto: Reprodução/ Internet/ Youtube

Fonte: Youtube

POSTS PATROCINADOS