Funcionária pede licença médica por doença mental e recebe e-mail de CEO pela coragem


PUBLICIDADE

Doenças mentais como ansiedade e depressão têm afastado muitas pessoas de seu trabalho. Esses transtornos são muito sérios e cerca de 4,4% da população mundial sofre de algum deles. No Brasil, as taxas são ainda mais críticas: 9,6% da população possui uma ou mais dessas, e somos o país com maior incidência.

Ambientes de trabalho muitas vezes estigmatizam transtornos mentais, mesmo considerando que capacidade mental 100% é essencial para serviços intelectuais. Uma desenvolvedora para web chamada Madalyn Parker viralizou na internet ao receber um direito interpretado como gentileza.

PUBLICIDADE

A funcionária enviou um e-mail à sua equipe avisando que ficaria de licença médica para cuidar de sua saúde mental. Mas ela não esperava que o CEO de sua empresa responderia pessoalmente ao e-mail concordando com ela e parabenizando-a pela sinceridade. Veja:

Ela compartilhou o e-mail no twitter e recebeu milhares de respostas. Muitas pessoas dizem que mentem para seus chefes quando estão passando mal por doenças mentais, pois, apesar dos problemas frequentemente incapacitarem muito mais do que doenças físicas, eles ainda são muito mal vistos.

Madelyn, porém, acredita que a mensagem gentil foi um pequeno passo de um longo caminho em direção a uma aceitação e discussão de doenças mentais em ambientes corporativos. Esperamos que ela melhore!

Fotos: BoredPanda

Tradução: Best Of Web

POSTS PATROCINADOS