Família se muda e abandona cadelinha dentro de casa, mesmo a vendo tremer de medo


PUBLICIDADE

Durante oito anos, uma cadela morou em uma casinha de barro no quintal de sua família. No entanto, certo dia as coisas ficariam ainda pior para ela. A família foi despejada de casa e Pamela foi deixada para trás. “Já imaginou o que um cachorro com um coração partido parece?”, Janine Guido, fundadora da Speranza Animal Rescue em Mechanicsburg, Pensilvânia, escreveu na página do Facebook da organização na semana passada.

Na publicação, ela colocou uma foto de Pamela olhando para fora da casinha que ela estava prestes a perder. “Aqui é onde ela viveu. Por oito longos anos … é tudo o que ela já conheceu”.

PUBLICIDADE

Janine tinha aparecido porque foi avisada por um corretor de imóveis local que o cão ficaria sem casa. O antigo dono da cadelinha, que havia sido despejado, chegou pouco tempo depois e carregou Pamela para o carro de Janine. “Ele apenas fechou a porta e voltou para a casa para pegar seus pertences”, escreveu a mulher na mesma publicação.

Pamela estava aterrorizada com as mudanças repentinas em sua vida. Ela estava encolhida em sua caixa, rosnando suavemente. “Embora não tenha feridas físicas, a dela é emocional”, escreveu Janine. “E essas são os mais difíceis de curar”.

Mas a mulher já havia ajudado os cães mais traumatizados a superar seus passados. Então ela sabia que Pamela só precisa de algum amor, conforto e paciência. Além de uma ida ao veterinário, pois a cadela tinha feridas em seu corpo por morar na sujeira.

Veja o vídeo de Pamela ao ser resgatada:

“Quando eu falo com ela, ela simplesmente se agita com medo”, escreveu Janine. “Seu corpo inteiro apenas treme … Apenas o olhar dela está quebrando meu coração”. Mas poucos dias depois do resgate, Pamela estava realmente beijando o rosto de Janine. A cadelinha finalmente havia começado a perceber que as mudanças súbitas em sua vida eram realmente boas.

Veja Pamela após seu resgate:

Pamela… She really wants to trust. But, still not sure.. 💗

Posted by Speranza Animal Rescue on Saturday, February 10, 2018

 

“Esta manhã em nossa caminhada, ela ficou literalmente presa ao meu lado, nunca se movendo a mais de um pé de distância”, escreveu Janine na segunda-feira. “A cada cinco ou dez passos ela olhava para mim, pulava e colocava as pernas na minha cintura. Quando me ajoelhei, ela começou a beijar meu rosto. Quase como se estivesse dizendo: ‘Estou bem agora’. Estes são os momentos em que você vive”.

Mesmo que Pamela tenha feito claramente um progresso rápido, ninguém quer apressá-la. É importante que ela fique totalmente confortável antes que aconteçam mudanças maiores. “Ela será completamente examinada e ficará conosco até que possamos conhecer todos os seus gostos e desgostos”, disse Janine ao site The Dodo. “Mas esperamos que ela esteja pronta para uma família no futuro próximo”.

Ficamos felizes que após tanta tristeza, Pamela finalmente conheceu o amor. E esperamos que ela encontre um lar incrível, quando estiver melhor.

 

Fonte: The Dodo

POSTS PATROCINADOS