PUBLICIDADE

Às vezes nós temos tanta sorte em possuir as coisas básicas para um ser humano, como visão e audição, porém, quase nunca nos damos conta dessa preciosidade e do quanto deveríamos dar mais valor a isso.

Um bebê sentiu exatamente o que o termo "dar valor a algo" significa ao ouvir a voz de sua mãe pela primeira vez. Dawson Shull nasceu com Cytomegalovirus, uma infecção contraída no período pré-natal e que causa perda de audição em ambos os ouvidos. Desde então, ele nunca ouviu um som sequer.

Seus pais não queriam parar de tentar ajudar seu filho e decidiram fazer com que ele usasse implantes cocleares, que substituem a função de um ouvido danificado, permitindo que a pessoa possa finalmente ouvir. Quando o aparelho é ajustado, Dawson tem uma reação impagável ao ouvir sua mãe, Jessica Shull, pela primeira vez.

Os bebês, geralmente, reconhecem a voz de sua mãe assim quando nascem, mas Dawson, que esperou um ano para poder ouvi-la, cai em lágrimas. Para o médico, é possível que ela tenha reconhecido apenas agora a voz que ouviu durante nove meses na barriga, quando ainda não tinha contraído a doença.

Depois de alguns minutos, Dawson se acalma e parece desfrutar de sua recém-descoberta. Para a mamãe Jessica, sua vida está completamente mudada, sem falar do grande potencial que ele demonstrou desde que sua audição foi restaurada.

"Ele agora toca em seu xilofone e piano por horas intrigado pelo som. Este é um grande passo em frente para Dawson. Antes dos implantes, nós pensamos que ele nunca falaria e agora seu futuro parece completamente diferente", disse a mãe do pequeno.

A falta de audição em uma criança afeta diretamente sua vida, pois ela pode se tornar incapaz de falar, aprender o próprio nome, entre outras coisas. Por isso a família está tão animada com a novidade!

Um amor de um filho pela mãe realmente é lindo. Vamos continuar torcendo para que a audição do pequeno Dawson fique cada vez melhor!

Fotos: Caters News Agency

PUBLICIDADE