Conheça o estilo de vida do homem-dálmata. 24 horas por dia, é assim que ele se comporta


Homem vestido passa grande parte do tempo vestido de cachorro e surpreende a internet com seu estilo de vida.
PUBLICIDADE

Muitas pessoas são realmente loucas por cachorros. A obsessão é tamanha, que alguns amantes desses animaizinhos acabam até meio que passando do ponto. Um exemplo disso é um homem chamado Tom Peters que vem surpreendo a internet após ir vestido de cachorro em um programa de TV.

Aos 32 anos ele vive uma vida completa de cão. Vestido com um traje da raça dálmata quase que 24 horas por dia, ele se comporta como um cachorro  e até esquece que é um homem. Peters chega a dormir em uma casinha, anda o tempo todo de quatro e chega até a comer ração. A vestimenta feita sob medida traz ainda mais vida a personagem.

PUBLICIDADE

Quando não está na pele de um cachorro, Peters trabalha como técnico de iluminação e teatro. E para quem pensa que isso pode ser causado pela solidão, está muito enganado. Ele convive até hoje com sua ex-esposa Rachel Watson. A relação terminou em 2008, pois Rachel não concordava muito com o estilo de vida que Peters levava. Entretanto, os dois se tornaram grandes amigos, e ela até afirma que estão muito mais próximos agora do que quando estavam casados.

Mesmo divorciados, os dois ainda mantém uma relação, como se fosse o cãozinho e sua dona.

 

Rachel defende a atitude do marido dizendo que ele é feliz dessa maneira. Segundo ela, as pessoas se importam demais e não respeitam algo que é como um refúgio para Peters.

O próprio dono da “fantasia” diz que as pessoas não conseguem compreender que isso não é nada de absurdo. Peters comenta que funciona como uma válvula de escape dos problemas reais e dos estilos de vida iguais que todo mundo têm.

Peters afirma que a fantasia de cachorro serve como um refúgio da vida cotidiana.

“A maioria das pessoas acha isto um absurdo e nem quer ver, porém, nós que vivemos assim, não queremos fazer mal a ninguém, estamos literalmente a divertir-nos e a ser tratados como cães. não é nada sexual. É um estilo de vida, é um ‘escape’. Para fugir à vida do dinheiro, ao estilo de vida que a maioria de nós vive.” Disse Tom Peters.

Quando foi convidado para participar de um programa de TV britânico, o homem-dálmata não pensou duas vezes. Vestido com seus trajes de cachorro como de costume, na entrevista ele tentou conscientizar as pessoas sobre esse “hobby”.

O caso de Peters não é único, muitas pessoas pelo mundo todo são adeptos. As vestimentas são vendidas em alguns sites e fazem sucesso. Não é só de cachorro que existe casos como esse, uma mulher também se comporta como uma gata 24 horas por dia.

E você teria coragem de viver assim ?

Fonte: Bastante interessante 

 

POSTS PATROCINADOS