Conheça 6 mitos e verdades sobre a gestação e saiba como proteger seu bebê


Mitos e verdades sobre a gestação
Mitos e verdades sobre a gestação
PUBLICIDADE

A gravidez é um momento muito importante para a mulher e, com ele, vem as inúmeras preocupações e cuidados para assegurar a saúde do bebê. Então surgem os diversos mitos e verdades do senso-comum, passados de geração para geração. Mas, qual deles realmente pode oferecer perigo à gravida?

Veja algumas afirmações e saiba quais são verdadeiras ou não:
  • Gestantes sentem mais calor

Verdade. Nesse período, o metabolismo da mulher fica mais acelerado e consequentemente a temperatura do seu corpo aumenta. Tudo isso acontece devido ao estrogênio, que favorece a dilatação dos vasos sanguíneos para fazer chegar mais sangue para o bebê. Não é um grande salto, mas costuma ser de cerca de 0,5º C, o suficiente para provocar a sensação de mais calor. Na reta final da gestação, com os esforços para carregar o barrigão, isso se torna ainda mais intenso.

PUBLICIDADE

Mitos e verdades sobre a gestação

  • Grávidas não devem tomar adoçante

Mito. De acordo com algumas pesquisas recentes, o ciclamato de sódio, adoçante feito a partir de um derivado de petróleo, consumido em grandes quantidades, pode causar danos ao feto. Porém, a gestante teria que tomar cerca de dez latas de refrigerante diet por dia para que o bebê fosse afetado. Ou seja, consumido em quantidades moderadas, não oferece perigos e pode até ajudar a mulher a manter a silhueta.

  • Toda gestante sente enjoos

Mito. As náuseas são comuns na gravidez, em especial no primeiro trimestre e isso ocorre principalmente por conta das alterações hormonais e maior sensibilidade das papilas gustativas e olfativas. Mas, nem toda mulher passa por isso, pois varia de um corpo para outro. Se os enjoos forem muito intensos, vale consultar um médico especialista. Outro mito que algumas pessoas escutam é de que as náuseas, se intensas no começo da gestação, significam que o bebê é menina. Mas, os fatos não estão relacionados!

Para combater esse mal-estar, chupar limão é uma dica. Pode não parecer muito atrativo, mas a saliva da gestante pede alimentos mais cítricos e o limão pode ajudar muito.

Mitos e verdades sobre a gestação

  • Grávidas podem apresentar alteração na visão

Verdade. Algumas mulheres podem sentir desconforto ao usar lentes de contato, os olhos secos e maior sensibilidade à luz. Tudo isso provocado pelas típicas alterações hormonais do período. É comum que sejam condições temporárias, que após a gravidez desaparecem.

  • Gestantes não podem comer alimentos com pimenta

Mito. É do senso-comum de que alguns alimentos podem fazer mal a gestante. A pimenta, por ser forte, pode ser abortiva ou até provocar malformações no feto. A afirmação não é verdadeira, mas é indicado o consumo moderado, pois a pimenta pode dificultar a digestão.

Mitos e verdades sobre a gestação

  • Não é indicado tingir os cabelos ou realizar procedimentos químicos nas madeixas

Verdade. O problema é que o couro cabelo absorve essas substâncias tóxicas. Quando entram em contato com a corrente sanguínea, o formol, a amônia, o benzeno e outros componentes, podem oferecer sérios perigos ao bebê.

As dúvidas que “rondam” a gestação são diversas. Por isso, em alguns casos, é importante entrar em contato com o médico que faz o acompanhamento.

Foto: Reprodução/ Internet

POSTS PATROCINADOS