Câmera de segurança flagra motorista de ônibus escolar agredindo menina autista


PUBLICIDADE
Uma cuidadora supostamente presenciou a agressão

Câmera de segurança flagra motorista de ônibus escolar agredindo menina autista

Tudo aconteceu nos Estados Unidos, California, onde uma câmera de segurança flagrou uma motorista de ônibus escolar agredindo uma menina autista de oito anos. Além disso, ela também zombou da garota enquanto ela chorava.

PUBLICIDADE

Depois de analisar as imagens, o Departamento de Polícia de Vacaville prendeu Kim Klopson, de 64 anos. Após uma semana de investigação, Klopson foi registrado na Cadeia do Condado de Solano, acusada de abuso infantil.

Autoridades disseram que o Distrito Escolar Unificado de Vacaville contatou a polícia em 6 de fevereiro para relatar o incidente e demitiu Klopson.

Confira o vídeo:

Kim deixava um grupo de alunos com necessidades especiais na escola, Browns Valley, depois das 8h, quando a aluna da segunda série esticou a perna para impedir que outra criança caminhasse pelo corredor central.

O vídeo mostra Klopson confrontando a menina de oito anos: “Se você colocar os pés para fora novamente para evitar que ela se mova, você vai ficar na janela. Entendeu?’

Quando o ônibus chega à escola, a tensão entre Klopson e a garota aumenta e a motorista de 64 anos arranca a mochila das costas da criança.

Logo em seguida, Kim parte para as agressões físicas e joga a menina no chão, na direção da porta da saída. “Você pensa que vai se safar disso, mas não no meu ônibus”, diz a mulher.

A vítima sofreu escoriações em sua cabeça como resultado do incidente, disse a polícia.

Testemunha

Klopson eventualmente deixou a menina sair do ônibus, onde ela foi pega por um assessor que, supostamente, testemunhou alguns dos abusos.

Todo o tempo, uma funcionária da escola estava de pé do lado de fora do ônibus. Ela observou a luta entre Klopson e a garotinha sem fazer qualquer tentativa visível de intervir.

Quando ela tenta forçar a menina a colocar a mochila nas costas, a pequena grita: “Eu não gosto de você”, ao que Klopson responde: “Eu também não gosto de você”.

“Por favor, pare”, a menina implora. “Eu não quero”, responde a motorista.

Quando Klopson abre as portas e leva a garota para fora do ônibus, ela tranquiliza uma pequena multidão de estudantes: “Tudo bem, eu não machuquei ninguém, pessoal”.

Esse tipo de comportamento em relação às crianças com necessidades especiais e inadmissível. Ficamos na torcida para que essa motorista seja punida e nunca mais consiga um emprego em que lide com crianças.

Fonte: DailyMail

POSTS PATROCINADOS