Bebê nasce sem parte do coração e passa por 11 cirurgias. E é assim que ele ficou depois


Bebê com condição rara precisa passar por transplante de coração
PUBLICIDADE

Você já ouviu falar da síndrome do coração esquerdo hipoplásico? Ela é caracterizada pelo lado esquerdo do coração pequeno e pouco desenvolvido. Ela é extremamente rara e atinge um número muito baixo de recém-nascidos, mas é grave.

De acordo com uma publicação do British Heart Foundation no Facebook, quando a mãe de Charlie Douthwaite estava em sua 20ª semana de gestação, ela descobriu que ele tinha essa condição. Assim que veio ao mundo, logo no seu terceiro dia de vida, o pequeno teve que passar por um transplante. Embora aparentasse estar melhorando, apenas poucos dias depois sofreu duas paradas cardíacas.

PUBLICIDADE

Bebê nasce com condição rara no coração

11 operações depois, os médicos chegaram à conclusão de que Charlie necessitava de um novo coração. Ele se tornou a pessoa mais nova a integrar a fila de espera de um transplante no Reino Unido, com apenas cinco semanas. Ao contrário de muitos que acabam passando anos esperando, ele foi agraciado com um doador em pouco tempo.

Seus pais agradeceram à família do doador nas redes sociais e mencionaram como isso foi um grande presente e um enorme ato de altruísmo da parte deles:

Bebê nasce com condição rara no coração

“Ainda não caiu a ficha de que em algum lugar uma família incrível nos deu esse presente incrível e sem preço que jamais poderia ser dado, no seu momento mais sombrio eles ainda pensaram em outra pessoa”, disseram.

O procedimento:

A cirurgia ocorreu no Hospital Freeman, Inglaterra, e teve cerca de nove horas de duração. Agora o pequeno se recupera e espera receber alta no ano que vem:

Bebê nasce com condição rara no coração

“Ele está bem até agora, não poderíamos estar mais orgulhosos dele, é um herói da vida real, nosso pequeno guerreiro.” Desejamos muita saúde para esse pequeno e que ele se recupere o mais rápido possível.

Foto: Reprodução/ Facebook/A New Heart For Charlie

Fonte: Razões Para Acreditar

POSTS PATROCINADOS