A doença periodontal atinge 85% dos cães acima de 3 anos e pode ser mortal. Saiba como prevenir seu pet deste mal


PUBLICIDADE

Quando nós cuidamos de um cão, sempre queremos o melhor para ele. Os nossos animais são mais do que apenas bichos, mas sim, parte de nossa família. E para que possamos oferecer a eles o melhor no que diz respeito à qualidade de vida, é importante que nos atentemos a alguns detalhes muito importantes, como o que será tratado no artigo a seguir.

Você já ouviu falar na doença periodontal? A enfermidade afeta 85% dos cães acima dos três anos de idade e, além de dolorosa, pode ser mortal.

PUBLICIDADE

Além de causar inflamação, perda de dentes e uma sensação muito forte de dor, bactérias que começam a agir nas gengivas podem, por meio da corrente sanguínea, atingir os pulmões, os rins e até mesmo os corações dos nossos amigos caninos. E o pior de tudo: muitos cães sofrem em silêncio.

  1. Foto: Reprodução

Existem algumas ações que você pode tomar para que seu cãozinho não precise enfrentar tamanho sofrimento. Uma delas, que todos deveriam fazer, mas que quase ninguém faz, é escovar os dentes do animal. Por mais que os cães não sejam muito adeptos da prática, é fundamental que você cuide da higiene dental do pet.

O que também pode ajudar muito os cães é o famoso biscoitinho que eles tanto adoram (dê preferência àqueles que são ricos em carboidratos). A mastigação é uma excelente maneira de evitar a abrasão dental (perda de estrutura dentária por forças mecânicas externas) e remover detritos que ficam na região da boca do animal.

  1. Foto: Farejador de Cães/Reprodução

Na natureza, o ato de mastigar para muitos animais equivale como a escovação de dentes para nós, auxiliando na limpeza e no fortalecimento da região dental. No entanto, o ideal é que os donos não deixem de fazer a escovação nos cães. Ela é essencial.

POSTS PATROCINADOS